Texto: Pedro Cordier

De: Meu coração
Enviada: No dia que nos conhecemos
Para: Ela
Assunto: Infinitas Possibilidades. Uma Escolha…

L…

Ler o seu email, foi como saborear uma poesia de Jobim, Caetano cantando,
pizza, viagens maravilhosas, carinho, felicidade, um sorriso sem fim… E o
amor…
Não teria como descrever o que estou sentindo, mas, aceitei o desafio e aqui
estou. Antes de continuar a ler esse email, pare por um instante. Respire…


Inspire…

E aperte o play do vídeo… Com o áudio, ao fundo, volte. Fique aqui, pertinho
de mim, que eu quero te dizer uma coisa…

Quando te vi, pela primeira vez, chegando para um encontro de amigos em
comum, tive a estranha sensação de que eu já te conhecia. Foi algo tão forte,
que mais parecia um “Déjà vu”

Fomos apresentados e começamos a falar de trabalho. Ambos gostávamos
do que fazíamos e isso foi nosso primeiro ponto em comum. Trocamos
telefone, afinal, “trabalhávamos em áreas afins”, te adicionei no Facebook… E
continuamos conectados a noite toda…

Conversamos por diversas vezes durante a festa (inclusive quando ficaram
chamando pela gente, pedindo a bendita cerveja que fomos pegar na cozinha
e não chegava nunca…) e online, via WhatsApp, quando estávamos sentados
em grupos separados, conversando sobre assuntos diferentes… 🙂

Você vestia uma blusa preta e estava linda. Como eu, veio direto do trabalho,
mas, estava maravilhosa naquela simplicidade que emoldurava um sorriso
encantador…

Eu nunca lhe contei esses detalhes todos, a respeito do nosso primeiro
encontro, mas, eu te amei, desde o primeiro instante…

Eu acredito na viagem da vida, na carícia que a brisa nos faz, no coração de
um ser humano, nas travessuras de um Labrador…

E você, L… Permite que eu seja quem eu sou e por isso, merece a maior prova
de amor que um ser humano livre pode proporcionar ao outro: meu tempo…

Depois do primeiro encontro, outros aconteceram. Sem pressa. Sem datas.
Mas, todos, divertidos, diferentes e, cada vez mais íntimos… Tivemos atração
um pelo outro? Completamente!! Mas, falo de uma intimidade de olhar. De
um momento de cumplicidade… Como o dia em que fomos visitar uns amigos
e você esbarrarou naquele vaso italiano, xodó da coleção de Laíse, mas,
conseguiu evitar que ele caísse. Você colocou o vaso no lugar e fingiu estar
olhando algo nele, para que ninguém percebesse. Tudo em questão de poucos
segundos, … Mas, tempo suficiente para que nos olhássemos sorrindo…

Eu te perguntei porque você me amava, não pra saber SE você me amava,
pois, sinto, percebo, vivo esse seu amor por mim…

Eu te perguntei porque você me amava, para me conhecer melhor, saber o
que estou fazendo de bom e o quanto posso melhorar, como pessoa e como
homem, para fazer você ainda mais feliz…

Agora… Tenho que te confessar uma coisa… O último pedaço de chocolate é
seu, mas… O prazer maior é o meu, de ver você se deliciar e lamber os dedos,
me olhando com aquela expressão satisfeita. Ah… Tem algo mais gostoso que
satisfazer uma mulher bonita e inteligente como você? :))

Você sabe o quanto acredito nas escolhas e, por isso, sei o quanto você
valoriza o fato de estarmos juntos. Tanto quanto eu, você é um ser humano
de alma livre e ciente das infinitas possibilidades que a vida pode nos
proporcionar. E nós escolhemos um ao outro. Não somos perfeitos, mas,
FOMOS ESCOLHIDOS UM PELO OUTRO!!

Escolhemos estar juntos e aprender um com o outro. Sempre…

Por isso é tão natural a nossa química, a nossa sintonia, a nossa capacidade
de deixar que o outro viva sua vida sem a necessidade de máscaras, ou meias verdades…

Não. Eu não tenho dúvidas. Eu apenas quero chegar em casa e beijar você. De
uma maneira como nunca antes nos beijamos… E te amar, como nunca antes
nos amamos. E te amar novamente… E novamente…

Te amo

P.

(Mal enviou o email, pegou o smartphone e abriu o WhatsApp… Procurou o ícone de
email enviado e postou. Guardou o smartphone e ficou imaginando a carinha que ela
iria ficar ao ver a notificação e correr pra abrir o email…)

 

O email dela

 

Pin It on Pinterest

Share This
Leia o post anterior:
Eu te amo assim…

De: Ela Enviada em: Quinta-feira, 04 de setembro de 2013 22:31 Para: Ele Assunto: Motivos para te amar   P......

Fechar