Ele não faz meu tipo. Ela fala muito alto. Ele não tem carro. Ela não tem seios grandes. Ele não sabe se vestir. Ela é pobre. Ele não gosta de cinema. Ela é gordinha. Ele é feio.

E assim caminha a geração que impõe condições para se relacionar. Será?

Há uma enxurrada de posts nas redes sociais propagando que não tá fácil pra ninguém, que as pessoas não querem nada sério e muitos memes que trollam a condição dos solteiros.

Dizem que se organizar direitinho todo mundo transa e eu vou além disso afirmando que se organizar direitinho todo mundo pode ter o relacionamento sério que tanto diz que quer ter.

Tenho conversado com muitas pessoas que se queixam de estarem bastante tempo sozinhas e da dificuldade que é engatar um relacionamento. Eu, realmente, acredito que estamos em uma fase onde o hedonismo e a superficialidade tomaram grandes proporções e já não há muito interesse em viver histórias de amor, mas isso não quer dizer que elas não possam acontecer.

Veja bem, concordo e faço parte da religião dos que não querem se submeter a qualquer coisa apenas para estar acompanhado. Saber viver sozinho com especialização em curtir a própria companhia é a melhor graduação que alguém pode ter.

Acontece que as pessoas estão indo além ou talvez ficando exigentes demais e valorizando mais o que não tem do que aquilo que está ao seu alcance. Explico:

É perfeitamente compreensível evitar um relacionamento com alguém que só queira te explorar financeiramente, mas descartar quem gosta de você (e até te atraiu) só pelo fato da criatura ser pobre, já é interesse e não necessidade de viver um amor. Não curtir hábitos que não sejam saudáveis dispensa explicações, mas avaliar alguém pelo tipo do corpo mostra que é mais uma seleção de quem só está interessado na aparência.

O que mais tenho reparado nessas pessoas que se dizem tão injustiçadamente sozinhas é o nível de exigência de cada uma delas. Uma amiga reconsiderou um relacionamento que estava começando porque o cara era mais velho e ela disse que teria vergonha de apresentar aos amigos. Outro amigo me confessou que tem sérios problemas para ficar com mulheres de cabelo curto e que isso faz ele perder todo o interesse.

Esses foram só alguns exemplos, mas eu poderia listar uma infinidade de questões que incluem até pessoas que não admitem conviver com alguém que discordem das suas opiniões. Pessoas que ainda idealizam relacionamentos perfeitos, sem divergências.

Cada um sabe de si e deve mesmo seguir o que o coração pede, mas acho que estamos julgando demais pela aparência e perdendo boas oportunidades e pessoas interessantes. Será mesmo que está difícil encontrar um relacionamento ou estamos mais preocupados com a foto que vamos postar no instagram e mostrar ao mundo do que com o que vamos viver na relação?

 

Pin It on Pinterest

Share This
Leia o post anterior:
cadeado chave
É amor ou posse?

Nós fomos programados para amar. Aprendemos desde cedo o poder deste sentimento e ainda fomos enredados pelos contos de fadas...

Fechar