Estudantes e familiares do quinto ano da Escola Experimental, de Salvador, participam de palestra ao ar livre com o astrônomo Fernando Munaretto no Museu Náutico

Quinto ano Experimental. Museu Náutico da Bahia, 27.04.2019. Bog O Guardador de Estrelas.

Olá, pessoal!

A noite deste sábado 27 de abril foi um sonho de educador. A sala de aula foi o Forte de Santo Antônio da Barra, baluarte histórico erigido na Ponta Padrão, que guarda a entrada da Baía de Todos os Santos e o Farol da Barra, sede do Museu Náutico da Bahia.

O céu estrelado nos serviu de guia, e em companhia das turmas de quinto ano da Escola Experimental, de Salvador, e de pais, mães, irmãos, tios, avós, padrinhos e madrinhas dos estudantes, nos reunimos em roda, como fizeram nossos ancestrais desde as primeiras noites do mundo para observar o céu a simples vista.

Identificamos as estrelas por seus nomes próprios, fizemos os desenhos das constelações, pensamos sobre suas origens e sua mitologia, e assim, de um modo simples, mas pleno, experimentamos um momento de reflexão sobre o que nos é dado ver com nossos próprios olhos e alcançar com nossas mentes.

Talvez a maior lição que a astronomia nos ensina, ao depararmo-nos com a grandeza do Universo é a compreensão de que somos maiores do que o tamanho da nossa altura, somos do tamanho da consciência que podemos alcançar.

Todo conhecimento nasce de uma experiência.

Escola Experimental

Projeto Entre o Céu e a Terra. Escola Experimental. Museu Náutico da Bahia. Blog O Guardador de Estrelas.

A turma chegou cedo e visitou o acervo do Museu Náutico, subiu até o topo do Farol e juntos assistimos ao ocaso do Sol, seguido por um lindo arrebol. Vimos Sírius, Canopus, Rigel e Betelgeuse surgirem nos últimos tons de azul do dia e iniciamos nossa observação à hora do crepúsculo, com um pouco de poesia, claro, pra rimar com astronomia 😉

Durante a atividade todos puderam fazer perguntas, e a participação dos adultos foi muito estimulante. A presença de alguns avós, como Dona Dinorah, também foi sinal de muito prestígio para nossa aula de campo, que faz parte do projeto pedagógico O que há entre o Céu e a Terra, das turmas do quinto ano da Experimental, em sua 6º edição.

Valeu, turma! Foi muito bom estar com vocês, mais uma vez.

Agradecimento aos estudantes, aos familiares, às nossas queridas professoras Catarina e Simone, à coordenadora Graciane, à direção e toda equipe de educadores da Escola pelo comprometimento e companheirismo de todos durante todo o projeto.

 

Share This
Leia o post anterior:
Mendel Vilas: uma aula de campo no planetário

Turmas de sexto e sétimo ano do Colégio Mendel Vilas participam de palestra sobre astronomia com Fernando Munaretto no planetário...

Fechar