A primeira música do bloco Camaleão

Em 1979 o Camaleão desfilou pela primeira vez na Avenida com mais de 900 integrantes, puxado por um Trio Elétrico de Maragogipe, o célebre Maragós que durante mais de meio século animou festas do recôncavo. Os então proprietários do bloco Adolfo Nery, Joaquim Nery,...

ler mais

Os Filhos de Ghandi do Rio de Janeiro

  Em fevereiro de 1952 (fundado no ano anterior) estreou com 60 integrantes, no Rio de Janeiro, um bloco carnavalesco que se denominava afoxé, mas tinha todas as características de um cordão, denominado Filhos de Ghandi, homônimo de um outro surgido na Bahia em...

ler mais

O Guia Turístico de Salvador de 1950

Um dos primeiros guias turísticos de Salvador foi editado e distribuído aos agentes de turismo, em 1950, obra da autoria de José Valladares, irmão do crítico de arte e autor de mais de uma dezena de livros, Clarival do Prado Valladares. O guia tinha o sugestivo nome...

ler mais

De como surgiu o jornaleiro na Bahia

Com o aparecimento do Diário de Notícias em 1875, na Bahia, surge a figura do jornaleiro, um moleque contratado para abordar os transeuntes na rua e vender o jornal. Foi uma inovação e tanto na terrinha e outros jornais logo adotariam esse sistema. No Rio de Janeiro...

ler mais

Festa de Cosme e Damião:Os santos mabaças

Dia 27 de setembro é dia de caruru, festa originalmente de pobre, ritual praticado por afrodescendentes provavelmente desde o século XIX, o culto a Ibeji disseminado na velha Salvador e também no interior com o corresponde sincrético de São Cosme e São Damião, os...

ler mais

Uma capa de revista profética

Em sua edição de 15 de julho de 1911, seis meses antes do bombardeio da Bahia, a revista semanal O Malho do Rio de Janeiro, praticamente antecipou o que seria o novo núcleo do poder na terrinha, no ano seguinte. Como se sabe em março de 1912 José Joaquim Seabra era...

ler mais

Sobre o Blog

Categorias

Arquivos

Redes Sociais

Pin It on Pinterest