Quem disse que mulher e cerveja não combinam? Já se foi o tempo em que mulher não apreciava cerveja. Sabemos que mulher pode qualquer coisa, basta querer. Prova disso é que as mulheres tem presença cativa no Biergarten – evento de cerveja artesanal que reúne bom papo, música e cervejas para todo tipo de paladar. O público encontra mais de 20 rótulos de cervejas artesanais, entre elas, a Wäls – premiada cerveja mineira e as baianas Inocente e Estrela Tricolor.

O nome “Biergarten” significa em alemão “Jardim das Cervejas”, resgata a tradição que surgiu nos berços de Munique, ainda no século XIX, transformando em um verdadeiro biergartens ou beer gardens, reunindo entretenimento ao ar livre, mesas compartilhadas para degustação de cerveja. Além de ter foods trucks, mesas de sinucas, jogos de dados e totó para interação dos cervejeiros e cervejeiras. A trilha sonora sempre é de primeira e anima à tarde. O evento é uma realização da  ALDente Produções e Rhoncus Pub. Nesse próximo domingo (12/02) terá o bailinho que também promete animar e aquecer para o carnaval. Para comprar, clique aqui.

Ananília Paiva, turismóloga, que estava com um grupo de quatro amigas garantiu que cerveja também é para mulher, basta ela querer. “Precisamos acabar com esse machismo de que tem coisa para homem e/ou para mulher. Nós podemos tudo!”.

Biergatas! #biergarten #beer #mulhercervejeira

A photo posted by Thais Souza (@tha_souza) on Jan 29, 2017 at 12:53pm PST

E vejam só o que descobrimos, o Coletivo ‘ELA’ que busca empoderar mulheres cervejeiras – grupo formado por sommelières, mestras-cervejeiras e outras profissionais do ramo que foi criado para combater o machismo. A sigla vem de “Empoderar, Libertar, Agir”, para tomar ações mais concretas. “A gente começou a ver que poderia ser muito mais do que isso, de só fazer uma cerveja”, explica a sommelière de cervejas Fernanda Correa de Freitas. Saiba mais: aqui.

Então, menina… Já sabe: nada de criar paranoias. Se você curte cervejas, vá em frente. Só aprecie com moderação. E não esqueçam: Se beber, não dirija!

Se conhece algum lugar para apreciar cervejas artesanais em Salvador, indique aqui nos comentários. E claro, mulheres cervejeiras serão sempre bem vindas, se conhece elas no Facebook e Instagram, manda aqui o link.

Até mais =)

Share This
Leia o post anterior:
0marrocos-01
De Marrocos para cá

Por Jana Viscardi, Poderia ser uma piada - sem graça. Poderia ser uma historia antiga, ultrapassada, a que todos responderiam...

Fechar